segunda-feira, 25 de março de 2019

Brincadeiras





Os cães precisam de sentir o cheiro da terra: é a sua maneira de se manter a par dos assuntos correntes. O solo é um jornal gigante para o cachorro, contendo todos os tipos de notícias caninas de última hora, que, se elas são particularmente urgentes, continuam no terreno ao lado.

(Dave Barry)

11 comentários:

  1. Acho tudo muito interessante e expressivo:
    as fotos e as afirmações de Dave Barry.
    Terno abraço
    ...

    ResponderEliminar
  2. Adoro ver essas cenas assim na praia.... Lindas fotos! bjs, chica

    ResponderEliminar
  3. Os animais são lindos e ... muito amigos

    ResponderEliminar
  4. Lindíssimas e significativas fotografias.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  5. E quase não se distingue um do outro... A tudo o poeta capta/captura. Não se distingue um cão do outro como se distingue o olhar da poeta do olhar da fotógrafa.
    Belo instante capturado...
    Beijinhos,

    ResponderEliminar
  6. Gostei demais do seu post.
    Os cães precisam viver como cães e sua foto ilustra bem a questão.

    "O solo é um jornal gigante para o cachorro."
    Interessante esse trecho. :)

    Boa semana,
    Simplicidade e Harmonia

    ResponderEliminar
  7. Que fofinhos!

    Coisas de uma Vida.
    Beijo e uma excelente semana.

    O meu novo blogue https://imagensquedispensampalavras.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  8. Excelente trabalho.
    Eu diria que ali está a História da Humanidade purificada pelo sal e pela água. Cada grão de areia carrega memória, desde os tempos do início de tudo. É isso que os cães sentem, é isso que eles farejam. Será o céu?

    Beijo, Sol.

    ResponderEliminar
  9. Muito bem registadas!...
    Palavras e imagens, num todo perfeito!
    Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta.
Muito obrigada pela visita!