segunda-feira, 19 de outubro de 2020

chuva


O que a chuva faz num dia, o sol não desmancha em dois

domingo, 18 de outubro de 2020

Domingo

O amor é a rainha das virtudes.
Como as pérolas se ligam por um fio, assim as virtudes, pelo amor.
 Fogem as pérolas quando se rompe o fio.
 Assim também as virtudes se desfazem afastando-se o amor

Padre Pio de Pietrelcina

sábado, 17 de outubro de 2020

Dia Internacional da Preguiça

 




O Dia Internacional do Animal Preguiça, ou simplesmente Dia Internacional da Preguiça, celebra-se anualmente no terceiro sábado de outubro, para fazer uma pausa neste comprido mês.

Não é uma data oficial. Existem dois objetivos nesta data: aprender a viver mais lentamente, e melhor, com o exemplo da preguiça e chamar a atenção para os problemas que este animal enfrenta.

Apesar de estar sempre com uma expressão de alegria no rosto, a preguiça é vítima de caçadores, é vendida como animal de estimação, morta por carros, por cabos elétricos, entre outros perigos.

Origem do Dia Internacional do Preguiça

O primeiro dia internacional do bicho-preguiça celebrou-se em 2010, na Colômbia, por ação da AIUNAU, uma organização sem fins lucrativos de proteção animal, tendo obtido relevo mundial ao longo dos anos.

Em novembro festeja-se também o Dia Internacional da Preguiça, esse sim, inteiramente dedicado à arte de relaxar e de não fazer nada.
Características do Preguiça

O bicho-preguiça é um animal mamífero que pode ser encontrado na América do Sul e tem características muito especiais, cujo fama deriva do facto de fazer as coisas com lentidão.

Apesar de se alimentarem de folhas, as preguiças demoram um mês a digerir uma refeição, e podem dormir entre 15 a 18 horas.

NOTA: como não tenho foto da preguiça coloquei do meu gato.

sexta-feira, 16 de outubro de 2020

Estrelas do Mar




As estrelas de mar não são peixes como o seu apelido de “estrela do mar”, sugere.

Elas pertencem a um grupo de animais chamados equinodermos, que significa “pele espinhoso.”

Eles estão relacionados com estrelas frágeis, ouriços do mar e pepinos do mar.

As estrelas de mar pertencem à classe Asteroidea (do grego aster, estrela + eidos, forma + ea, caracterizado por). É uma classe de equinodermos que têm simetria radiada.

O corpo das estrelas de mar pode ter diversos aspectos: pode ser liso, granuloso ou com espinhos bem evidentes, apresentando um determinado número de pontas, denominadas por braços, que formam a sua simetria.

O corpo é duro e rígido, devido ao seu esqueleto interno, mas, no entanto, pode ser quebrado em diversas partes quanto tratado violentamente. Mesmo assim, este animal consegue dobrar-se e deslocar os braços para se mover para passear, ou quando o seu corpo se encontra em espaços irregulares entre rochas.

Esta movimentação é feita com a ajuda dos seus pés ambulacrários. Os seus tamanhos podem variar imenso entre poucos centímetro e um metro de diâmetro.

A sua respiração é feita através das brânquias.

A sua reprodução pode ser sexuada, ou assexuada, ou seja, pode envolver gâmetas femininos ou masculinos (sexuada) ou ter origem apenas num ser, sem que haja junção de dois tipos de gâmetas (assexuada).

Quando a reprodução é sexuada, a estrela-do-mar fêmea liberta os ovos na água que irão, posteriormente, ser fecundados pelo gâmeta masculino. Á medida que o novo ser se vai desenvolvendo, forma-se uma larva que irá dar origem à estrela-do-mar.

Quando se trata de reprodução assexuada, a estrela-do-mar reproduz-se por um processo designado fragmentação. Assim sendo, de cada vez que, espontaneamente ou acidentalmente, um dos braços das estrela-do-mar for cortado, este braço irá desenvolver-se, originando um novo ser.

Relativamente à estrela-do-mar que perdeu um dos braços, este mesmo também será regenerado, restituindo à estrela-do-mar a sua simetria.

Fonte : https://www.portalsaofrancisco.com.br/biologia/estrela-do-mar

quinta-feira, 15 de outubro de 2020

Nuvens

 




Considere o céu como seu pai, a terra como sua mãe e todas as outras coisas como seus irmãos e irmãs.

Provérbio Americano.

quarta-feira, 14 de outubro de 2020

Riscos na areia

 




Observe suas próprias pegadas antes de mencionar as falhas de outra pessoa. 
Provérbio -Sauk.

segunda-feira, 12 de outubro de 2020

Dornes Península dos Templários





A “vila” de Dornes, em Ferreira do Zêzere, é usualmente chamada de Península Encantada ou Terra Mítica dos Templários. Fica no concelho de Ferreira do Zêzere, no distrito de Santarém, a aproximadamente 30 quilómetros de Tomar. É uma península banhada pelo rio Zêzere (albufeira de Castelo de Bode) que terá servido de ponto estratégico militar nos inícios da nacionalidade. E hoje vamos visitar Dornes…


Portugal possui um leque de aldeias típicas que são chamativas por diversas razões. A antiguidade, a singularidade e a beleza tornam uma simples aldeia numa aldeia mítica. Dornes tem um encanto muito particular.

domingo, 11 de outubro de 2020

Domingo

 

Aspiremos a felicidade que nos foi preparada por Deus.
São Padre Pio de Pietrelcina

sábado, 10 de outubro de 2020

castelo do bode barragem




A barragem de Castelo de Bode e o legado dos Templários

O serpentear do curso do Rio Zêzere guia-nos até um magnífico lago entre as montanhas xistosas e mágicas do concelho de Tomar. Nesta zona poderá visitar e apreciar a Barragem de Castelo de Bode, uma das principais construções no conjunto de barragens da bacia do Zêzere e uma das maiores barragens do país.

Situada em Tomar, a barragem banha diversas terras outrora controladas pela Ordem dos Templários e que mantêm uma aura de mistério que fascina todos os que as visitam. A mais conhecida será Dornes, na mítica península que lhe empresta o nome. A presença da Ordem dos Templários é bem visível na torre sineira pentagonal de Dornes, que sobrevive quase intacta até aos nossos dias.

Para os apaixonados pelas lendas que perseguem a história dos templários, uma visita cuidadosa e atenta à região é indispensável. Mas a característica mais apaixonante da Barragem de Castelo de Bode são as suas bonitas albufeiras, que originaram algumas das praias fluviais mais extraordinárias do país.

Fonte : https://turismodocentro.pt/artigo/a-barragem-de-castelo-de-bode-e-o-legado-dos-templarios/

sexta-feira, 9 de outubro de 2020

A Lua




A lua e o amor, quando não crescem, diminuem.
provérbio popular

quinta-feira, 8 de outubro de 2020

Portas








Abençoe aqueles que nos desafiam, pois lembram-nos das portas que fechamos e das portas que ainda temos que abrir.

 Poema Navajo

quarta-feira, 7 de outubro de 2020

Dia Nacional dos Castelos




O Dia Nacional dos Castelos celebra-se a 7 de outubro.

Neste dia é possível visitar gratuitamente vários castelos portugueses e conhecer um pouco mais da história destes edifícios emblemáticos da história portuguesa. É uma oportunidade de ouro para conhecer os castelos de Portugal, com visitas orientadas que permitem conhecer os castelos portugueses a fundo. Além das visitas, ainda se recria a época medieval em alguns castelos de Portugal.

Se sempre quis visitar um castelo em especial, este é o dia para o fazer. No ano seguinte pode visitar outro castelo.
Origem da data

Desde 1984 que o Dia Nacional dos Castelos se comemora em outubro. Inicialmente era celebrado no primeiro sábado do mês mas em 2003 estabeleceu-se o dia 7 como a data oficial. Ele tem como objetivo promover em todo o país iniciativas e atividades que visam a reflexão sobre o património fortificado.

Os castelos são testemunhos da memória coletiva dos povos e representam uma importante referência arquitetónica, histórica, cultural e simbólica de um país.
Castelos de Portugal

Portugal possui centenas de castelos e fortes, sendo alguns castelos portugueses reconhecidos pela UNESCO como Património da Humanidade, como é o caso do Convento de Cristo, em Tomar.

O Castelo de Guimarães, onde nasceu Portugal, e o Castelo de Óbidos são dois castelos nacionais que fazem parte das 7 Maravilhas de Portugal - Monumentos.

segunda-feira, 5 de outubro de 2020

Implantação da República

A Implantação da República comemora-se anualmente a 5 de outubro, dia em que deposta a monarquia, no ano de 1910, em Lisboa.

O Dia da Implantação da República, 5 de outubro, é um feriado nacional. Este tinha sido um dos feriados eliminados pelo governo em 2012, mas em 2016 acabou por se acordar novamente no Parlamento que esta data é um feriado.
5 de Outubro de 1910

No dia 5 de outubro de 1910 deu-se a implantação da República em Portugal. Esta ação foi levada a cabo por um movimento de cidadãos apoiantes do republicanismo nacional e também pelo Exército.

Estes cidadãos não concordavam que Portugal fosse governado mais pela monarquia, cercam o Palácio Real e obrigam o rei a exilar-se na Inglaterra. Houve resistência em algumas cidades, especialmente no interior do país, mas a força das armas acabou se impondo.

Chefiados por Teófilo Braga, os cidadãos procederam a um golpe de estado, destituíram a monarquia constitucional e implantaram o regime republicano.

Após a proclamação da República foi criado um governo provisório chefiado por Teófilo Braga. Em agosto de 1911 foi aprovada uma nova Constituição, tendo início a Primeira República Portuguesa.

O primeiro Presidente da República foi Manuel de Arriaga, eleito pelo Parlamento a 24 de agosto de 1911.

Com esta mudança foram alterados alguns símbolos do país como o hino e a bandeira nacional, que passou de azul e branca para verde e vermelha.
Comemorações do 5 de Outubro

A implantação da República é celebrada com paradas militares, hasteamento da bandeira e execução do hino nacional na Câmara de Lisboa, discursos do presidente da Câmara e do presidente da República.

Há também imposição de condecorações a civis e entrega de espadas na Academia Militar que são feitas pelo presidente da República. No entanto, os eventos podem sofrer alteração a cada ano.

domingo, 4 de outubro de 2020

Domingo-Dia de São Francisco de Assis



O Dia de São Francisco de Assis é festejado a 4 de outubro. Ele é o fundador da Ordem dos Franciscanos e o padroeiro dos animais.

Nascido a 5 de julho de 1182, em Assis, e falecido a 3 de outubro de 1226, em Assis, Giovanni di Pietro di Bernardone, mundialmente conhecido como São Francisco de Assis, foi um frade católico italiano admirado por milhões de fiéis.

História de São Francisco de Assis

Filho de um comerciante e nascido no seio da burguesia de Assis, o santo recebeu o nome de Giovanni em referência a São João Batista.

A origem do nome Francesco (Francisco, em português, ou “francês”, em italiano) é incerta, supondo-se que derivou das raízes francesas da família ou da viagem do santo à França e do seu gosto pela língua e pela cultura francesa.

De jovem indisciplinado, rico e vaidoso, São Francisco de Assis passou a pobre, humilde, missionário, santo e exemplo inspirador de milhões. A história de São Francisco de Assis diz-nos que o santo partiu para a guerra como cavaleiro, com o desejo de ser herói, mas foi capturado e adoeceu.

Incentivado por uma visão, que o incitou a voltar à terra natal, Francisco terá sido tocado pela presença divina no seu regresso, começando a romper com a vida antiga e preocupar-se com os necessitados. O santo ofereceu o seu manto a um leproso e retirou-se para uma caverna para meditar.

Seguindo outra visão, quando estava na igreja da Porciúncula, o santo ouviu que lhe pediam para que reconstruísse a igreja. Por isso, vendeu alguns bens do pai para reconstrui-la e assim foi acusado pelo progenitor de dissipador de fortuna. Francisco despiu as suas roupas e as colocou aos pés do pai, renunciando à sua herança e partindo nu para uma vida de pobreza da qual nunca mais voltou.
Fundação da Ordem Franciscana

O santo começou a sua nova vida como pedreiro, reconstruindo muitas igrejas e passou a ser missionário, tocado por uma passagem do Evangelho de São Mateus.

Também travou conhecimento com a jovem Clara, que seria sua primeira seguidora do sexo feminino, e ajudaria ao santo a fundar a Ordem das Clarissas.

Ganhando seguidores, Francisco dirigiu-se a Roma para obter autorização de formar uma Ordem de pobreza absoluta, a Regra Primitiva, à semelhança de Jesus. Depois de muita insistência e insatisfação perante a riqueza dos católicos de Roma, a Ordem recebeu aprovação para atuar, voltando a Assis para cuidar dos leprosos.

A Ordem foi aumentando e São Francisco realizou várias viagens missionárias e terá efetuado vários milagres de cura. Em 1224, no Monte Alverne, São Francisco recebeu os estigmas de Cristo.

Como é o padroeiro dos animais e do meio ambiente, neste dia também se celebra o o Dia Mundial do Animal e o Dia do Médico Veterinário. O santo pregava também aos animais e defendia a inclusão dos animais na celebração da missa, olhando para todos os seres vivos como elementos da Criação serventes a Deus.

Oração de São Francisco de Assis

"Senhor,

Fazei de mim um instrumento de vossa Paz!
Onde houver Ódio, que eu leve o Amor,
Onde houver Ofensa, que eu leve o Perdão.
Onde houver Discórdia, que eu leve a União.
Onde houver Dúvida, que eu leve a Fé.
Onde houver Erro, que eu leve a Verdade.
Onde houver Desespero, que eu leve a Esperança.
Onde houver Tristeza, que eu leve a Alegria.
Onde houver Trevas, que eu leve a Luz!

Ó Mestre,

fazei que eu procure mais:
Consolar, que ser consolado;
Compreender, que ser compreendido;
Amar, que ser amado.
Pois é dando, que se recebe.
Perdoando, que se é perdoado e
É morrendo, que se vive para a vida eterna!"

sábado, 3 de outubro de 2020

Folha no Lago

sombra que flutua colorida
fica apenas com a cor
e afasta a sombra ... 

©Piedade Araújo Sol 

sexta-feira, 2 de outubro de 2020

Dia do Sorriso

O Dia Mundial do Sorriso é celebrada na primeira sexta-feita de outubro.

Conhecido em inglês como World Smile Day, foi criado em 1999, sendo celebrado desde então todos os anos na primeira sexta-feira do mês de outubro.

A sua criação deve-se a Harvey Ball, um artista de Worcester, Massachussets. Ball é o criador da imagem do smiley, um círculo amarelo sorridente, que é reconhecida internacionalmente.

A 28 de abril também se celebra o sorriso a nível mundial. Isso porque na internet foi divulgada a ideia de que esse era o dia mundial do sorriso.

quinta-feira, 1 de outubro de 2020

Dia Mundial da Música


A data foi instituída em 1975 pelo International Music Council, uma instituição fundada em 1949 pela UNESCO, que agrega vários organismos e individualidades do mundo da música.


Celebração do dia mundial da música

Objetivos do Dia Mundial da Música:

Promover a arte musical em todos os setores da sociedade;
Divulgar a diversidade musical;
Aplicação dos ideais da UNESCO, como a paz e amizade entre as pessoas, a evolução das culturas e a troca de experiências.

Neste dia decorrem vários concertos em todo o país, de forma a celebrar o Dia Mundial da Música. Muitos destes concertos são de entrada livre. Este é também o dia ideal para comprar discos e instrumentos musicais, uma vez que várias lojas apresentam descontos em artigos de música.

A música é uma forma de arte adorada por milhões de pessoas espalhadas pelo mundo, fazendo parte do quotidiano. A música é até uma forma de unir as pessoas do mundo e é considerada como um alimento para a alma.

Dia Internacional do Idoso


O Dia Internacional do Idoso é comemorado anualmente a 1 de outubro.

Este dia foi instituído em 1991 pela ONU - Organização das Nações Unidas, e tem como objetivo sensibilizar a sociedade para as questões do envelhecimento e da necessidade de proteger e cuidar a população mais idosa. A mensagem do dia do idoso é passar mais carinho aos idosos, muitas vezes esquecidos pela sociedade e pela família.

No Dia Internacional do Idoso decorrem várias iniciativas para a população idosa, nomeadamente palestras, sessões de atividade física e workshops de artes manuais.

OBS:Hoje dia 1 de Outubro também se celebra :
Dia Europeu das Fundações e Doadores
Dia Mundial do VEgetarianismo
Dia do Leitor de CD
Dia da água
Início do Ano Hidrológico

quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Flores




Palavras não ditas são as flores do silêncio.
Provérbio Japonêz

segunda-feira, 28 de setembro de 2020

O Silêncio


O Dia de Confúcio é celebrado tradicionalmente a 28 de setembro.

O aniversário de Confúcio calha no 27.º dia do oitavo mês lunar do calendário chinês.

O silêncio é um amigo que nunca trai

(Confúcio)

domingo, 27 de setembro de 2020

Domingo


Que Jesus sempre o carregue nos braços.
São Padre Pio de Pietrelcina

sábado, 26 de setembro de 2020

Porta Envelhecida



e para que não olhar a porta que existe e que se perde o sentido
mas, ela lá está!
muitas vezes à espera de um toque apenas
ou de um empurrão para além dela
certamente que sem dores nem raivas,
é mais fácil, mesmo que tudo se transforme 
num labirinto de nós
 em nós

©Piedade Araújo Sol

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Dia Mundial Dos Rios






O Dia Mundial dos Rios é comemorado no dia 25 de setembro. 

O objetivo desta data, criada em 2005, é promover a preservação dos rios de todo o mundo e aumentar o conhecimento das populações sobre os rios. 

Os cidadãos são incentivados a participar na preservação e recuperação dos rios, não só neste dia mas durante todo o ano. 

Mais de 60 países dão as mãos para celebrar o Dia Mundial dos Rios. Milhares de rios mundiais encontram-se em sérias dificuldades e sujeitos a ameaças, com o desenvolvimento industrial, a poluição humana e as mudanças climáticas. 

A limpeza dos rios é uma das iniciativas realizadas nesta data. Comemorações de comunidades ribeirinhas, caminhadas, projetos escolares, festivais de música, exibições de arte e planificação de restauração de habitat natural são outras das atividades deste dia.

Fonte: Calendarr

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Carissa Macrocarpa




Carissa macrocarpa é um arbusto nativo da África do Sul. É conhecida como a ameixa Natal e, na África do Sul, a grande num-num. Em Zulu , bem como nas tribos Bantu do Uganda, ele é chamado Amathungulu ou umThungulu oBomvu . Em Afrikaans o fruto é chamado noem-noem . 

C. macrocarpa lida bem com ventos de sal-laden, tornando-se uma boa escolha para as zonas costeiras. É comumente encontrado na mata costeira do Cabo Oriental e Natal. Ela produz e profundas folhas verdes brilhantes e flores brancas de neve cujo aroma perfumado intensifica à noite. Como outro Carissa espécies, C. macrocarpa é um espinhoso, arbusto contendo látex. Eles florescem durante meses em um momento. O gordo ornamental, redondo, fruto vermelho aparece no verão e no outono (outono), ao mesmo tempo que as flores. Em áreas moderados, litorais os frutos aparecem ao longo do ano. O fruto pode ser comido fora de mão ou feitas em tortas, doces, geleias e molhos. Alguns afirmam que não seja o fruto, a planta é venenosa. No entanto, esta afirmação é um mito, possivelmente com base em semelhanças com outras plantas com seiva leitosa. A Faculdade de Agricultura e Ciências Ambientais na Universidade da Califórnia, Davis classifica a planta como moderadamente tóxico. Ele aparece na lista de árvore Nacional Sul-Africano como o número 640,3. 

A planta alimentar tradicional na África, esta fruta pouco conhecida tem potencial para melhorar a nutrição, aumentar a segurança alimentar, desenvolvimento rural fomentar e apoiar Landcare sustentável.
Fonte :: Wikipédia

quarta-feira, 23 de setembro de 2020

Entardecer




...e quando,o dia estiver cinzento...
procura a beleza,que pode estar encoberta ...