segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Sunset


a beleza do entardecer ...
e já é tanto ...

domingo, 22 de setembro de 2019

Domingo


Sem paz interior, sem calma interior, é difícil encontrar uma paz duradoura.

Dalai Lama

sábado, 21 de setembro de 2019

Nós de Marinheiro


 há nós difíceis de desatar...

sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Repuxo


por aí...a beleza da água 

quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Olhares meus


eu sei das areias e do mar e ainda e sempre o teu nome..
mora em mim e no mar..

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Magnolia Branca


A flor Magnólia do sul (Magnólia Grandiflora) foi designada oficialmente como a flor do estado do Mississipi em 1952. As árvores da Magnólias tem grandes flores brancas perfumadas, e as folhas verdes que se torna uma das árvores as mais esplêndidas da floresta, e uma planta ornamental muito popular. Magnólia é vista nas planícies costeiras do sudeste dos Estados Unidos.

segunda-feira, 16 de setembro de 2019

domingo, 15 de setembro de 2019

Domingo


Só dê ouvidos a quem te ama. Não te preocupes tanto com o que acham de ti. O que te salva não é o que os outros andam achando, mas é o que Deus sabe a teu respeito.

Padre Fábio de Melo

sábado, 14 de setembro de 2019

Pescadores


A Arte Xávega ...

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Aguarelas


 apenas reflexos....ao sabor do meu olhar e da minha lente.

quinta-feira, 12 de setembro de 2019

Trombeta dos Anjos



Brugmansia suaveolens, conhecida, entre muitos outros, pelos nomes comuns de trombeta, zabumba, cartucho, hálito do diabo, mata-zombando, erva dos mágicos, erva dos feitiçeiros, borrachero, cacao sabanero e canudo, é um arbusto do género Brugmansia da família Solanaceae, utilizada como planta ornamental devido às suas grandes flores fragrantes. As suas folhas e flores são usadas em medicina tradicional como fitoterápicos para combater distúrbios intestinais e doenças de pele e como enteógeno e alucinógeno, em geral por infusão. A espécie era endémica na região costeira do sueste do Brasil, mas presentemente é cultivada em todas as regiões tropicais e subtropicais do mundo e considerada como extinta na natureza.
Fonte : Wikipédia

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Barcos




Ir a Aveiro e não andar de moliceiro, é como ir a Roma e não ver o papa. Os barcos moliceiros representaram, durante séculos, uma embarcação destinada à colheita e ao transporte do moliço (uma espécie de alga) na Ria de Aveiro. Nesta altura, estes podiam ser movidos à vela, à vara ou à sirga. Uma das mais distintas características destes barcos aveirenses é a sua decoração. Eles são decorados com pinturas que retratam, quase sempre, situações do dia-a-dia satíricas ou cómicas.

Actualmente, estes barcos são utilizados apenas para fins recreativos, transportando anualmente milhares de turistas pelos 4 canais urbanos da cidade de Aveiro. Este passeio tem a duração de 45 minutos e permite-lhe conhecer o Canal Central, o Canal das Pirâmides, o Canal do Cojo e ainda o Canal de São Roque.

Fonte : SentirAveiro

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

domingo, 8 de setembro de 2019

Domingo


À beira do fim há sempre tanta coisa que começa!

Padre José Tolentino Mendonça

sábado, 7 de setembro de 2019

Gaivotas,


em seu voo cadenciado ....

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Sunset


Pés, para que os quero, se tenho asas para voar?
Frida Kahlo

quinta-feira, 5 de setembro de 2019

quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Barragem Castelo do Bode





A barragem de Castelo do Bode é uma das mais importantes barragens portuguesas. Faz parte do conjunto de barragens da bacia do  rio Zêzere, na regiao do Centro (Região das Beiras)e sub-região do Médio Tejo, em Portugal, tendo a montante a barragem da Bouçã. Situa-se nos limites dos concelhos de Tomar e  Abrantes no Distrito de Santarém. É uma das mais altas construções de Portugal.

A barragem de Castelo do Bode é utilizada para abastecimento de água, designadamente a Lisboa, produção de energia eléctrica, defesa contras as cheia e actividades recreativas. É utilizada pelos adeptos de desportos como o  windsurf, vela, remo,motonáutica e jet ski, bem como da pesca desportiva (truta, achigã, enguias e lagostim vermelho.


Fonte : Wikipédia

segunda-feira, 2 de setembro de 2019

Reflexos,






 ou se quiserem, aguarelas salinas ao sabor da minha lente ...

domingo, 1 de setembro de 2019

Domingo


Perguntei à terra,
ao mar, à profundeza
e, entre os animais, às criaturas que rastejam,
Perguntei aos ventos que sopram
e aos seres que o mar encerra.
Perguntei aos céus, ao sol, à lua e às estrelas
e a todas as criaturas à volta da minha carne:
Minha pergunta era o olhar que eu lhes lançava
Sua resposta era a sua beleza.”

Santo Agostinho

sábado, 31 de agosto de 2019

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

simplicidade


é na simplicidade que se encontra a beleza escondida ...

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

quarta-feira, 28 de agosto de 2019

Mar

mar...apenas
inspiração
e relax...

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

Dia Mundial do Cão



O Dia do Cão comemora-se anualmente no dia 26 de agosto. Sim, o melhor amigo do homem tem um dia especial!

O Dia do Cão celebra este impressionante animal e todas as suas tradicionais características, em especial a sua lealdade! Um dos mais queridos animais de estimação dos seres humanos desde tempos imemoriais tem assim uma oportunidade de ser ainda mais acarinhado pelos seus donos.

Aproveita-se ainda o Dia Mundial do Cão para consciencialização das populações para a importância da defesa dos direitos dos cães e dos animais de companhia em geral. Atualmente existem milhares de cães em Portugal vítimas de maus tratos.

Muitos vivem na rua, um problema que se agrava com altas taxas de abandono, especialmente na altura do verão. Vem daí também a importância da escolha do mês de agosto para a celebração da data.

A data é aproveitada ainda para promover vários tipos de ação, entre as quais a adoção consciente de cães em canis ou abrigos temporários.

É importante relembrar que o abandono e maus-trato a animais de companhia em Portugal constituem crime segundo os artigos 387º e 388º da Lei n.º 69/2014, de 29 de Agosto.

O Dia Mundial do Cão é comemorado no dia 26 de agosto por influência da América do Norte, que começou a celebrar o National Dog Day nessa data.

domingo, 25 de agosto de 2019

Domingo


Os direitos humanos são violados não só pelo terrorismo, a repressão, os assassinatos, mas também pela existência de extrema pobreza e estruturas econômicas injustas, que originam as grandes desigualdades.


Papa Francisco

sábado, 24 de agosto de 2019

Simplicidade


é de azul o dia
o céu
e a simplicidade.

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Gaivotas

por vezes precisamos de ensair o voo para partir,
para voltar a chegar
e novamente partir
como as gaivotas 
e com as gaivotas...

quinta-feira, 22 de agosto de 2019

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

...


...ela disse: escreverei o teu nome na água até o dia nascer
e ele acreditou....

©Piedade Araújo Sol

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Dia Mundial da Fotografia


O Dia Mundial da Fotografia é comemorado anualmente em 19 de Agosto.

A fotografia é uma das invenções mais extraordinárias da história da humanidade e que revolucionou a sociedade a partir de meados do século XIX, assim como a cultura, a economia, as arte e etc.

domingo, 18 de agosto de 2019

Domingo


A Lei foi dada para que se implore a graça; a graça foi dada para que se observe a lei.

Santo Agostinho

sábado, 17 de agosto de 2019

Cardo Maritimo





Família: Umbelliferae/Apiaceae

Outros nomes vulgares: cardo-rolador.

Características Gerais: Planta  vivaz, de consistência herbácea e robusta. Os seus caules, com 15 a 60 cm, são verticais, possuem uma tonalidade branca ou cinzento-azulada e possuem medula. As folhas, desprovidas de pêlos, são firmes e ligeiramente espessas, com 3 a 5 lobos e dentes grosseiros com espinhos. As folhas  caulinares envolvem parcialmente o caule e são sésseis. As flores estão reunidas em capítulos pedunculados, praticamente globosos e têm uma cor azulada; encontram-se rodeados por um invólucro de 4 a 7  brácteas espinhosas com 1 a 3 pares de dentes largos. O cálice é provido de 5  dentes evidentes, agudos, maiores do que as pétalas. Os frutos são aquénios ovóides, mais ou menos revestidos de escamas.

Floração: De Maio a Setembro.

Habitat: Sistemas dunares, onde surge na duna primária, podendo estender-se um pouco para o interior.

Distribuição: Por todo o Litoral.

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Abandonos




ainda, a esta hora, se vê
o clarão 
para os lados do poente. 

algures no horizonte,
um ponto 
determinado na plasticidade 
do tempo. 

o barro, 
as telhas ardentes
na inclinação do eixo. 

e a declinação imagética 
no movimento 
dos astros no céu. 

o espectro
projectado da fenda
ainda ilumina a casa

Tinha iniciado o poema ainda se via... 
termino-o já é outro dia.

autor: hajota