domingo, 26 de fevereiro de 2017

Domingo


Tem dias que eu não quero dizer nada, quero apenas o direito de ficar calado sem ter que explicar o porque de estar assim.
Padre Fábio de Melo

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Olhares Serenos


onde gosto de descansar o olhar e sonhar azuis com mesclas de verde ..

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Verdes



e de verde se fez o meu olhar ...

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Sonho de Gato



Os gatos devem ser felizes. Hoje não sei porquê gostaria de ser gato.
Está um sol de estalar, subia para o telhado e iria dormitar ali todo escarrapachado.
Será que os gatos sonham? Hum... Penso que sim, quando os espreito a dormir
fazem um ronrom tão feliz, delicioso de ouvir. Por isso e, nem que seja só hoje, vou
ser um gato.
E vou sonhar com uma gata amarela das redondezas que passa aí toda dengosa,
com aquele olhar felino e traiçoeiro que tanto me atrai.
Antes vou beber uma taça de leite simples, com umas sopas de pão embebidas. Não
quero aquelas mixórdias de comida pronta para gatos. Quem disse que os gatos
gostam daquelas mistelas? Eu não gosto. E sou um gato. Era capaz de arranhar
quem inventou aquela treta de comida. E pensar que ainda fazem publicidade na TV e
que há quem compre aquela zurrapa.
Ai que sol tão acariciador sobre o meu pelo aveludado e brilhante. Vou me
espreguiçar e dormir uma soneca, nem que seja só meia hora.
Mas nessa meia hora vou ser um gato. Hum que delícia, não terei de pagar impostos,
nem preencher aquela treta daquela papelada do IRS.
Um gato a entrar numa repartição de finanças para pagar impostos, devia ser
hilariante. Também não tenho de me preocupar com a hipoteca da casa, nem com as
compras do fim-de-semana, nem com a prestação do carro, nada, só ficar aqui
estirado a sonhar.
Que me perdoem, mas neste momento quero e sou um gato.

© Piedade Araújo Sol
(escrito em 2005 que encontrei algures por aí, já nem me lembrava deste texto

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Pescadores



arte de xávega ...

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Detalhes


e todos os dias eu encontro outros detalhes, ao sabor do tempo e da minha lente ...

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Domingo


Deus não lhe dá mais do que você pode carregar.
Jesus Cristo

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Areias



e o sol beijou e aqueceu as areias....

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Abandonos


e ao fundo a lua ....

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Arte de Rua




Arte Urbana na Rua Manuel José Gomes  em Almada 
sem título
autor desconhecido

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Domingo


O olho é a lâmpada do corpo. Se teu olho é bom, todo o teu corpo se encherá de luz. Mas se ele é mau, todo teu corpo se encherá de escuridão. Se a luz que há em ti está apagada, imensa é a escuridão.
Jesus Cristo

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Tapete pedonal




por vezes é preciso abrandar o passo  e olhar as pétalas ...

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Nostalgia


ainda se consegue visualizar resquícios de beleza... neste abandono ...

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Amarras





um dia soltas as amarras e libertas o sonho....

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Colorido



alguém  atirou as flores à agua ...

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Abandonos



a arte dos telhados ...

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Domingo



Sempre que possível, dê um sorriso a um estranho na rua. Pode ser o único gesto de amor que ele verá no dia.

Papa Francisco

sábado, 4 de fevereiro de 2017

Pedras


areias e mar ou o colorido e as pedras...

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Figos da Índia



Nome Científico: Opuntia ficus-indica
Sinonímia: Cactus chinensis, Cactus decumanus, Opuntia decumana, Opuntia megacantha, Cactus ficus-indica, Opuntia chinensis, Cactus ficus-indica, Opuntia vulgaris, Opuntia maxima, Opuntia cordobensis, Opuntia tuna-blanca
Nomes Populares: Figueira-da-índia, Tabaibeira, Figo-do-diabo, Figo-da-Índia, Piteira, Tuna, Figueira-tuna, Palma, Figueira-da-barbária, Figueira-do-inferno, Palma-gigante, Palma-graúda, Palma-da-índia, Palma-grande, Palmatória, Palma-redonda, Palma-santa, Palma-sem-espinho, Palma-azeda, Cactus-burbank, Figueira-moura, Tabaibo, Tuna-de-castilha
Família: Cactaceae
Categoria: Arbustos, Arbustos Tropicais, Cactos e Suculentas, Folhagens, Frutas e Legumes, Plantas Hortícolas
Clima: Continental, Equatorial, Mediterrâneo, Oceânico, Semi-árido, Tropical
Origem: América do Norte, México
Altura: 3.6 a 4.7 metros, 4.7 a 6.0 metros
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene
Texto : Fonte : http://www.jardineiro.net/plantas/figueira-da-india-opuntia-ficus-indica.html

Foto minha captada no Jardim da Tapada das Necessidades

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Azuis




 olhares a reter os azuis ....do céu e do mar ...

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Trilhos



a beleza dos caminhos...

domingo, 29 de janeiro de 2017

Domingo


Jesus não é somente um amigo. É um mestre de verdade e de vida, que revela o caminho para alcançar a felicidade.
Papa Francisco

sábado, 28 de janeiro de 2017

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Espera anunciada



hoje choveu...mesmo que não venhas...esperamos por ti ...

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Nostalgia I




.
 deixo os resquícios da beleza que ainda podemos apreciar nestes abandonos...