domingo, 16 de junho de 2019

Domingo

Depois de minha morte, farei cair uma chuva de rosas

Santa Teresa do Menino Jesus

sábado, 15 de junho de 2019

Num poema!

Tanto por tão pouco
é muito:
"só tens de acordar as manhãs
e pintares o sal na pele
e o sol no olhar..." 
Depois o voo faz-se 
como sonhas
nada receies
sonhar é como se nada
flutuar na água 
olhando o céu
que no fim terás 
"algodão macio"
lá em baixo
ou lá em cima
para pousar
repousar

Autor: hajota

sexta-feira, 14 de junho de 2019

Piodão Aldeia Histórica de Portugal



A aldeia de Piódão, situa-se numa encosta da Serra do Açor. As habitações possuem as tradicionais paredes de xisto, tecto coberto com lajes e portas e janelas de madeira pintadas de azul. O aspecto que a luz artificial lhe confere, durante a noite, conjugado peladisposição das casas, fez com que recebesse a denominação de “Aldeia Presépio”. 

Fonte Wikipédia

quinta-feira, 13 de junho de 2019

Agapantos




Agapanthus é o único género da subfamília Agapanthoideae da família de plantas com flor Amaryllidaceae, pertencente à ordem monocotiledónea Asparagales. Inclui genericamente os chamados agapantos, também conhecidos como lírios-do-nilo.

Wikipédia

quarta-feira, 12 de junho de 2019

nostalgia


tristeza que sempre me tolda o olhar ...

segunda-feira, 10 de junho de 2019

Dia de Portugal





No dia 10 de junho celebra-se em Portugal o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.

Feriado nacional, esta data presta homenagem ao grande poeta Luís Vaz de Camões, autor d´Os Lusíadas, a maior obra épica de Portugal, que faleceu no dia 10 de junho de 1580.

Do programa do Dia de Portugal fazem parte muitas atividades, como desfiles, demonstrações militares, e entregas de medalhas de mérito, por exemplo.

Este é considerado também o dia da Língua Portuguesa e do cidadão nacional.


domingo, 9 de junho de 2019

Domingo



A alma desordenada leva em sua culpa a pena.
Santo Agostinho de Hipona

sábado, 8 de junho de 2019

Sete Cidades





Sete Cidades é uma freguesia portuguesa do concelho de Ponta Delgada, Região Autónoma dos Açores, com 19,22 km² de área e 793 habitantes (2011). A sua densidade populacional é 41,3 hab/km². Localiza-se a uma latitude 37.87 norte e a uma longitude 25.78 oeste, estando a cerca de 260 metros de altitude no interior da caldeira do vulcão das Sete Cidades, na margem oriental da lagoa do mesmo nome.

O nome da freguesia tem raízes nas lendárias Sete Cidades do Atlântico e é uma das múltiplas ocorrências do topónimo nas zonas de expansão portuguesa quinhentista.

Situada na parte plana da margem da Lagoa Azul, a freguesia conserva casas tradicionais, algumas ainda com os graneis de pés altos.

Em termos arquitectónicos, destacam-se a  Igreja de São Nicolau, em  estilo neogótico, inaugurada em 1852, a casa dos herdeiros de Caetano de Andrade, e o túnel de descarga da lagoa, inaugurado em  1937.

Fonte : Wikipédia

sexta-feira, 7 de junho de 2019

Céus Rubros



a beleza do entardecer....

quinta-feira, 6 de junho de 2019

Praia Fluvial da Loriga





Situada na Loriga, a 18 quilómetros de Seia, no distrito da Guarda, a Praia Fluvial de Loriga é uma espécie de santuário para os amantes da natureza. Aqui podem encontrar a calma e a paz que tanto procuram e pela qual anseiam, sendo uma das praias fluviais mais procuradas pelos portugueses e não só – pelos turistas também!

É a única praia fluvial situada num vale glaciário e é conhecida pelos banhistas pela sua água cristalina e transparente, cuja qualidade lhe foi atribuída aquando da atribuição do galardão de ouro, menção atribuída pela Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza. É ainda, na categoria de Praias Fluviais, umas das finalistas das “7 Maravilhas – Praias de Portugal”. Além disso, a praia fluvial da Loriga – também galardoada com bandeira azul – dispõe de diversos espaços que vão – certamente – tornar o seu dia único

Fonte Net

quarta-feira, 5 de junho de 2019

No Lago

Não tenho rumo nem faço rumo 
vou no rumo da manhã ou tarde 
levado pelas águas. 
Feliz como uma criança!

José Carlos Sant Anna

segunda-feira, 3 de junho de 2019

abstractos



cores rubras...

domingo, 2 de junho de 2019

Domingo

As cores da vida,são as que pintamos

Padre José de Anchieta

sábado, 1 de junho de 2019

Dia da Criança


O Dia Mundial da Criança em Portugal é celebrado a 1 de junho.


Nesta data, onde as crianças são o centro das atenções, organizam-se diversos eventos e atividades para as crianças, de forma a celebrar o Dia Mundial da Criança.


A data é celebrada em vários países, contudo a data de comemoração difere de país para país. Em Portugal, o Dia Mundial da Criança contempla atividades como desfiles e visitas escolares, leitura de textos, declamação de poemas, desporto, desenho, etc. As livrarias oferecem descontos em livros infantis, os parques de diversões e locais de festas para crianças enchem, os hipermercados, as lojas e os sites de descontos apresentam descontos em roupa, brinquedos, produtos e atividades para crianças, entre outros.

As Nações Unidas aprovaram a 20 de novembro de 1959 a Declaração dos Direitos da Criança, proclamando os direitos das crianças de todo o mundo.

sexta-feira, 31 de maio de 2019

Cais das Colunas


toda a criança gosta de sentir seus pés na água....

quinta-feira, 30 de maio de 2019

Cascata Garganta Funda



A Cascata Garganta Funda situa-se na freguesia da Ponta do Pargo, na Calheta, na Ilha da Madeira

A caminhada é curta e vista é deslumbrante.

A foto não tem muita qualidade pois foi captada muito distante.

quarta-feira, 29 de maio de 2019

Azuis e verdes


Entre o mar e a montanha....

segunda-feira, 27 de maio de 2019

Lagoa de Albufeira


Esta lagoa, que constitui a maior zona húmida da Península de 
Setúbal, é uma excelente opção para ver aves a pouca distância de 
Lisboa. A parte interior da lagoa, conhecida por Lagoa Pequena, 
constitui a parte mais interessante em termos de avifauna.
A recente construção de alguns observatórios na lagoa da Estacada 
veio tornar este local mais interessante para a observação de aves.

domingo, 26 de maio de 2019

Domingo


“Ser misericordioso com os que caíram é melhor meio para não cairmos nós mesmos!”

São Filipe Néri

O Dia de São Filipe Néri é festejado todos os anos a 26 de maio. Filipe Néri nasceu em Florença a 21 de julho de 1515 e faleceu a 26 de maio de 1595.

sábado, 25 de maio de 2019

Telhados


telhados com detalhes .... 

sexta-feira, 24 de maio de 2019

Pescadores


pescadores a tentar remar o barco, e o cão a acompanhar o dono até o fim....

quinta-feira, 23 de maio de 2019

Cais das Colunas,


onde cada dia tem novos detalhes ...

quarta-feira, 22 de maio de 2019

Lago


reflexos e belezas naturais nas águas do lago ....

segunda-feira, 20 de maio de 2019

O Pingo


a naturalidade de um pingo apenas....

domingo, 19 de maio de 2019

Domingo



De Deus nós sabemos que existe, que é causa de todos os seres e que é infinitamente superior a tudo. Isto é a conclusão e o ponto culminante do nosso saber nesta vida terrena.

Tomás de Aquino

sábado, 18 de maio de 2019

Beleza no lago


o cisne na sua zona de conforto em toda a sua elegancia e beleza....

sexta-feira, 17 de maio de 2019

Nostalgia


quantos segredos, vidas e sonhos guardam estas pedras ... que um dia foram o lar de alguém...

quinta-feira, 16 de maio de 2019

quarta-feira, 15 de maio de 2019

Marés


ondas, lambendo a areia espreguiçando seus braços em compassados amplexos...

segunda-feira, 13 de maio de 2019

13 Maio e Nossa Senhora de Fátima


Aparições de Fátima é a designação comum dada a um ciclo de aparições marianas que terá ocorrido durante o ano de 1917 na localidade de Fátima, em Portugal. Este ciclo de fenómenos extraordinários sucedeu-se a outras aparições da Virgem Maria, decorridas por volta do ano de  1758, na mesma freguesia, no lugar onde se encontra o Santuário de Nossa Senhora da Ortiga.

No dia  13 de Maio de 1917, três crianças,Lúcia dos Santos (10 anos),Francisco Marto (9 anos) e Jacinta Marto (7 anos), afirmaram terem visto "...uma senhora mais brilhante do que o Sol" sobre uma azinheira de um metro ou pouco mais de altura, quando apascentavam um pequeno rebanho na Cova da Iria, próximo da aldeia de Aljustrel. Lúcia via, ouvia e falava com a aparição, Jacinta via e ouvia e Francisco apenas via-a, mas não a ouvia.

A aparição da Virgem Maria repetiu-se nos cinco meses seguintes e foi portadora de uma importante mensagem ao mundo. A  13 de Outubro de 1917, a aparição apresentou-se-lhes como sendo "a Senhora do Rosário"

Estas aparições foram precedidas e seguidas por outros  fenómenos, acontecimentos que foram relatados e redigidos pela vidente Lúcia a partir de 1935, em quatro manuscritos conhecidos por Memórias I, II, III e IV e transcritos com outras fontes neste artigo.

Fonte : Wikipédia (Excerto)