segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Aguarelas


aguarelas ao sabor da minha lente e do meu olhar....

3 comentários:

  1. Tão leves, Piedade, tuas aquarelas. Ondulações que lambem o meu olhar depois de captados pelo teu e pelas tuas lentes.
    Beijinhos,

    ResponderEliminar
  2. Piedade,
    tão leves, as aquarelas, ondulações a lamberem o meu olhar depois do teu e das tuas lentes.
    Beijinhos fluindo pelas oscilações das aquarelas, rss

    ResponderEliminar
  3. Te dejo la mia por si deseas visitarla o criticarla.
    Besos gracias.

    POEMIAS.
    https://anna-historias.blogspot.com/2018/08/el-pas-del-temps.html?m=1

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!