sábado, 28 de novembro de 2020

gaivotas




 Sento-me no cimo da escarpa
Assim apanho o rio que se confunde com o mar 
Abro as asas e voo…com o sentir 

©Piedade Araújo Sol

12 comentários:

  1. E que bom deverá ter esse doce sentimento de liberdade e poder assim sentir o voo rumo onde quer que se queira.

    Palavras belas, plenas de poesia e imagens que me recordam o quanto eu gosto do mar no inicio do inverno, com bandos de gaivotas na areia a dar pequenos voos.

    Um beijo e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  2. O voo da gaivota sobrevoando o mar, enfrentado o poderio das ondas, é das imagens mais bonitas que existem.
    .
    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  3. Que bello sentir
    las gaviotas nos remontan al vuelo que queremos alcanzar de seguro
    belleza de fotos!

    ResponderEliminar
  4. Do alto da escarpa
    com o olhar sobrevoa os arredores,
    sobrevoa o horizonte do mar onde tudo
    principia para cada uma delas.

    As gaivotas não precisam escrever recados!

    Um bom final de semana, Piedade!

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde Piedade,
    Fotos maravilhosas e palavras poéticas em perfeita sintonia.
    Um beijinho e bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  6. Boa noite de sábado, querida amiga Piedade?
    É um animal bonito e que transmite leveza.
    Que nossos vôos sejam e suavidade!
    Tenha um ótimo final de semana abençoado!
    Bjm carinhoso e fraterno

    ResponderEliminar
  7. Belos retratos! E elas são fotogénicas e charmosas!

    Bom domingo, querida amiga. Beijinhos
    ~~~~~~

    ResponderEliminar
  8. Você expressa divinamente. Tão belas quanto as fotos, são suas palavras poéticas. Bjs.

    ResponderEliminar
  9. ... e com ela sentir-me leve
    mais leve que o ar
    que me arrepia a nuca e
    comover-me de emoção ao respirar
    a liberdade.
    Conheço essa gaivota.
    Bj.

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta.
Muito obrigada pela visita!