sábado, 28 de outubro de 2017

gaivotas bebés


é preciso aprender a descobrir
os perigos e os sabores
que a vida nos oferece ...

4 comentários:

  1. Tudo se aprende.
    Todos, excepto o homem
    que por esquecer sente!

    Como sempre, excelente, a tua visão do limbo do mar.

    BFS, estimada Piedade.

    ResponderEliminar
  2. Que maravilha de foto!
    Já tenho saudades do mar.

    Beijo
    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  3. É preciso, sim. Mas este é também o meu ritual. Todas as tardes olho o mar e as gaivotas. E ouço a conversa deles: mar e gaivotas. Conversam como se estivessem lendo poemas para os passantes. Por isso, esqueço os perigos...
    Beijinhos, Piedade!

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!