sábado, 14 de outubro de 2017

em meu olhar,


detalhes que ninguém vê
vida presente
em momentos de quem os lê ...

7 comentários:

  1. Eu vi algo semelhante mas num semáforo!
    Gosto do olhar ... e do pensamento! Bj

    ResponderEliminar
  2. É “a partilha do sensível” depois do silêncio do olhar percorrendo o cenário, buscando o melhor ângulo, equalizando distância e abertura até chegar à infinitude do instante. Eis-nos diante de um objeto e imagem dele projetada. Cabe a nós “leitores” apreender “os detalhes” captados pelo silêncio do olhar.

    Um bom final de semana, Piedade!

    ResponderEliminar
  3. Imagem tão bonita!

    Beijinhos e um excelente fim de semana

    ResponderEliminar
  4. Cada um vê o que sabe
    ou é capaz
    e há-os que não vêem
    nem querem ver

    Boa imagem, Piedade. Quando a vi, o primeiro flash que me assaltou foi o fogo. Repara como eles se agruparam para se proteger.
    Bj.

    ResponderEliminar
  5. E pelas marcas no tronco... já é um ponto de encontro habitual... :-D
    Belíssimo registo, Piedade! Gosto imenso do jogo de focagem e desfocagem, entre os ramos e o fundo...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
  6. E não estes tais detalhes tão bem clicados pela Piedade? Belos!

    ResponderEliminar
  7. Curiosidades amiga.
    Já os vi num Semáforo pelo olhar da querida Gracinha.
    Belo click.
    Bjs

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!