domingo, 21 de julho de 2013

Recado



Vai e esquece se há algo para esquecer
Guarda a lembrança se vale a pena reter

Nada será como teria que ser
Mas o que fica acaba por ajudar a ter

As ilusões que ficam a corroer
E que o tempo se encarrega de amortecer

A esperança que não pode morrer
Que fica mais leve mas sem esmorecer

Vai e guarda a lembrança se vale a pena reter
Vai e esquece se há algo para esquecer

©  Piedade Araújo Sol  2005-01-16

7 comentários:

  1. Olá, Piedade. Perfeito o teu pensamento, é assim que deve ser.

    ResponderEliminar
  2. Olá, Piedade, teus versos me soaram como música!
    Quanta verdade!Perfeito!
    A foto está um showwwww!!
    Beijos, Vilma

    ResponderEliminar
  3. Lindo Lindo ....my compliments....i love this.

    beijos, Joop

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!