quarta-feira, 4 de julho de 2018

Floresta



uma floresta, ou a arte na areia ao sabor da minha lente e do meu olhar

9 comentários:

  1. Adoro ver isso! LINDAS fotos! beijos, chica

    ResponderEliminar
  2. Que rica publicação :))

    Bjos
    Votos de uma óptima Quarta-Feira

    ResponderEliminar
  3. Para duas grandes imagens, um só título basta, Piedade.
    Fiquei banzado (uma vez mais ! ) com as tuas IMAGENS IMPERFEITAS.
    Que te não lembres de as fazer perfeitas !...
    Rs Rs Rs............


    Um beijo de quem muito te aprecia.

    ResponderEliminar
  4. Fotografias que são autênticos poemas. Parabéns!

    Temos um novo conto. E como é para vós que escrevemos, convidamos-vos a participar na escolha do título.
    https://contospartilhados.blogspot.com/2018/06/novo-conto-ainda-sem-titulo.html

    Continuação de boa semana.
    Saudações literárias!

    ResponderEliminar
  5. Piedade Sol trouxe à luz vestígios de uma civilização antiquíssima. A sua arte surpreende pelos detalhes que distingue a cada olhar.

    Bj

    ResponderEliminar
  6. Maravilhosos, estes abstractos aquáticos, em jeito de floresta!...
    Nem sei dizer qual prefiro! Dois belos achados, Piedade!
    Beijinho!
    Ana

    ResponderEliminar
  7. Que lindo! Abençoada lente que tal captou!

    Beijinhos, amiga Piedade!

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!