quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Pavilhões do Parque D.Carlos I



Projetados nos finais do século XIX por Rodrigo Berquó para serem o novo hospital D. Carlos I. Berquó queria fazer das Caldas da Rainha uma verdadeira estância termal europeia, contudo, os “pavilhões do parque” não chegaram a cumprir essa função. Durante mais de 100 anos serviram para albergar um quartel militar, uma esquadra da polícia e uma escola secundária. Atualmente estão desativados e apresentam já alguns vestígios da passagem do tempo.



Este complexo edificado, de arquitetura singular, enquadrado pelo Hospital Termal das Caldas da Rainha, o lindíssimo Parque D. Carlos I (jardim romântico construído na mesma altura para apoiar as termas) e a Mata Rainha D. Leonor, é considerado um dos principais ex-libris da cidade.

Fonte : REVIVE


18 comentários:

  1. Com esse belo registro fotográfico, um pouco de história para não se perder a memória!
    Um abraço,

    ResponderEliminar
  2. Bom dia. Excelentes imagens com uma maravilhosa História. Muito bem...

    Bjos
    Uma boa Quinta-Feira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Larissa
      obrigada pela visita e pelas palavras.
      beijinhos
      :)

      Eliminar
  3. Merecia uma recuperação estes belos edifícios que estão ao abandono.
    Continuação de boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Chico
      verdade, e há tantos dignos de serem recuperados.
      obrigada pela visita e pelo olhar.
      beijinhos
      :)

      Eliminar
  4. Que beleza de fotos. Uma postagem maravilhosa e cheia de beleza


    Beijos e um dia feliz

    ResponderEliminar
  5. Beautiful reflection image.
    An exciting building.

    Have a nice day! :)

    ResponderEliminar
  6. Respostas
    1. Rui
      é um local que merece ser fotografado, pois é muito belo.
      beijinhos
      :)

      Eliminar
  7. Respostas
    1. Gracinha
      então tens de ir lá fotografar e visitar.
      obrigada!
      beijinhos
      :)

      Eliminar
  8. No conocía esa historia pero sí es un lugar de singular atractivo. Muy bonita imagen. Un abraziño. Franziska

    ResponderEliminar