sexta-feira, 28 de agosto de 2015

cabelos de água


Descansaste teus olhos de cinza e verde em meus cabelos de água, e disseste:
Vemo-nos por aí…

7 comentários:

  1. A imaginação da poeta e da fotógrafa não tem limites.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  2. Boa tare, a foto é especial, assim como é um privilegio descansar no seu cabelo, vamos-nos por sempre por aqui, seria mais correto.
    AG

    ResponderEliminar
  3. Romântica voce ...
    portuguesinha poeta .
    Gosto disso !

    ResponderEliminar
  4. Passando por aqui... agora que a Net está de volta... para matar saudades... deixar um beijo... e me deliciar com estas imagens lindíssimas que estou vendo por aqui...
    Como sempre, estas transparências e reflexos... estão absolutamente extraordinários... com uma luz e contrastes incríveis... que adoro! E que nem de perto, nem de longe... por aqui, conseguirei sequer me aproximar... quanto mais igualar...
    Foto lindíssima... e mais umas palavrinhas que nos deixam a flutuar... neste mar de sensibilidade e emoção, por aqui...
    Beijinhos! Bom fim de semana!
    Até breve, Piedade! De quando em vez... virei aqui espreitar as novidades...
    Ana

    ResponderEliminar
  5. Um sonho e um sonho de fotografia.
    Magia?

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!