segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Detalhes


a roupa a secar, guardada pela flor que suporta o estendal...

13 comentários:

  1. Hello Piedade,
    Very nice shot!!
    Funny with that flower on the right side.That must be a strong one..hihi..!!

    Big kiss, Marco

    ResponderEliminar
  2. Lindo! Tradições!

    Tem uma semana feliz
    Beijo
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Que pormenor engraçado...escondida. se não me falasses nem reparava nela nem na sua beleza e só veria a roupa a secar.

    Beijinhos. Boa semana :)

    ResponderEliminar
  4. Olá,
    Detalhes bem captados, a tendência é para que no futuro não exista roupa penduradas à janela, pessoalmente gosto, que pelo menos em certas zonas da cidade se mantenha a roupa a secar nas janelas, é pitoresco e lindo.
    AG
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Observadora como és nos mostra um bonito e curioso detalhe!

    A flor que suporta o varal
    silenciosamente enfeita
    um fio de roupas quintal.

    Vilma Piva

    ResponderEliminar
  6. É nos detalhes que a arte se instala!
    Bela fotografia.

    bjs

    ResponderEliminar
  7. O perfume de uma imagem... e num click, toda a poesia de uma estação.

    Grande beijo, Pi.

    ResponderEliminar
  8. SI, ESTÁN MUY BIEN CUSTODIADAS!!
    UN ABRAZO

    ResponderEliminar
  9. Só o um olhar sensível consegue captar a beleza que (também) há num varal de roupas.Com a devida observação da flor...sempre bom vir cá.
    Boa semana Piedade!
    Beijo!
    (✿◠‿◠)

    ResponderEliminar
  10. Imagem muito bonita de tão banal como é um estendal de roupa...

    Cumprimentos

    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Um costume de algumas cidades portuguesas pendurar roupas independente do local de passantes , antes estranhava hoje já acostumei e acho interessante. Em alguns casos o visual fica bem bonito.
    beijo Pi

    ResponderEliminar
  12. Olá Piedade.
    Tens a capacidade de poetizar tudo que fotografas e tornar sublime o quotidiano que tua máquina capta.
    Por isso gosto de te visitar sempre que posso, nem que seja de fugida, só para deleite dos olhos.
    Sabes, há muitos anos vivi ( pouco tempo, mas que ficou cá marcado) num pequeníssimo apa/ertamento na praia. Em frente havia as dunas de areia com moinhos antigos de pedra, onde eu, necessitada de secar minha roupa, e mulher despachada que era, tratei de amarrar uma corda e montar um varal. Era terra pacata, de povo maravilhoso e sério, ninguém mexia no que não lhe pertencia, de modo que eu pendurava a roupa, muitas vezes de manhã cedo, antes de sair, e ao voltar, pelo fim da tarde, lá tinha a roupa seca, pronta a recolher.
    Era lindo, ver a roupa ao vento lá no topo da duna, suspensa pelo moinho. Teria dado uma bela foto, se houvesse uma Piedade que por lá passasse. Pois que agora essa imagem só existe na lembrança.
    bjo amigo

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!