quarta-feira, 11 de junho de 2014

arquitetura

O edifício da Fábrica de Cerâmica da Viúva Lamego fica situado no largo do Intendente com a Avenida Almirante Reis, na antiga freguesia dos Anjos, actualmente freguesia de Arroios em Lisboa.
A fábrica foi fundada por António da Costa Lamego, que em 1849 . Após a morte do seu fundador passou a designar-se comercialmente por "Viúva Lamego". Todo o prédio forrado a azulejos que torneja para a Av. Almirante Reis constituía a zona de oficinas.
Nos anos trintado século XX, a produção foi transferida para a Palma de Baixo, onde se manteve até 1992, data em que a mesma passou para Abrunheira - Sintra.
Está classificado com imóvel de interesse público.
Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre.

8 comentários:

  1. Que obra de arte maravilhosa. Pretendo conhecer Portugal em 2015 e vou me lembrar desse olhar. Beijo.

    ResponderEliminar
  2. Olá Piedade!

    Olha que interessante deve ser conhecer o edifício, tenho que tentar passar por lá para o ver ao vivo. =)

    beijinhos!

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde Piedade

    Que imagem/foto Fantástica. Linda mesmo, adorei.


    Beijo
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Passei lá bastantes vezes!
    Uma arquitectura linda e histórica.

    beijinho

    ResponderEliminar
  5. Bom post e muito útil para quem não conhece a Viúva Lamego.

    Bom resto de dia ;)

    ResponderEliminar
  6. Uma bela arquitetura retratada pela amiga Piedade.
    Gostei do ângulo escolhido :)
    Bjo

    ResponderEliminar
  7. invulgar mas muito bonito! assim se faz a arte - e necessariamente a arte na arquitetura: por cortes, significando que o que hoje não é amanhã poderá ser e vice-versa...

    beijinho grande!

    ResponderEliminar
  8. Aconselho a ler o Ferreira das Tabuletas, que veio a ser Diretor da Viúva Lamego, deixando uma obra de azulejaria: https://www.google.pt/?gws_rd=ssl#q=ferreira+das+tabuletas.
    Ver também uma visita a Belas pela Unisben: http://www.uib.pt/
    Abraços

    ResponderEliminar

Não sou fotógrafa, mas, gosto de fazer arte com a fotografia. Todas as palavras e as imagens deste blogue são de minha autoria, excepto as que estão assinaladas com os devidos créditos. Não são fotos perfeitas, nem eu quero que assim sejam, porque por vezes é na imperfeição que se encontra a beleza encoberta. Muito obrigada pela visita!